1- “Qual a diferença do serviço da IR Invest para um software de calculadora?”

A IR Invest tem um serviço mais completo que um software de calculadora. Pois com a calculadora, você terá de fazer diversos lançamentos manuais. Com a IR Invest você não terá nenhum trabalho, nós fazemos tudo por você. Iremos contabilizar todos os tipos de operações, conferir todos os lançamentos e lançar os dados individualmente. Concilia todas as notas de corretagem com os extratos, te ajudar no planejamento tributário e você GANHA de BRINDE a Declaração Anual

2- “O que a Ir IR Invest faz que meu contador não faz?”

A IR Invest tem um atendimento personalizado e especializado para os investidores da bolsa, além de orientar e ajudar nos planejamentos tributários. Ela entrega a Declaração Anual com as informações de renda variável e todos os dados para a entrega da declaração completa.

3- “Eu tive prejuízo e mesmo assim tenho que declarar?”

Sim. Os meses com prejuízos também devem ser contabilizados para posteriores compensações de Imposto de Renda a pagar.
Para fins de apuração e pagamento do imposto mensal sobre os ganhos líquidos, as perdas incorridas poderão ser compensadas com os ganhos auferidos no próprio mês ou nos meses subsequentes, em outras operações realizadas nos mercados à vista, de opções, futuro e a termo, exceto no caso de perdas em operações de day trade, que somente serão compensadas com ganhos auferidos em operações da mesma espécie. art. 53 da IN 1.022/2010

4- “Quem só opera abaixo de R$ 20.000,00/mês, tem que pagar IR?”

Você  irá pagar IR caso as suas vendas no mercado á vista do mês excedam o valor de R$20.000,00 independente do valor que você operou. Essa isenção não é valida para operações de day trade; (ii) negociação das cotas dos fundos de investimento em índice de ações; (iii) resgate de cotas de fundos ou clubes de investimento em ações; e (iv) alienação de ações efetivada em operações de exercício de opções e no vencimento ou liquidação antecipada de contratos a termo. art. 48 da IN 1.022/201

5- “Quais são os riscos de não entregar a declaração corretamente?”

A não entrega da Declaração devidamente preenchida e correta pode trazer vários riscos como: ser multado e cair na malha fina,ter o CPF bloqueado, não conseguir movimentar sua conta bancaria, não conseguir vender ou comprar imoveis e até ter suas ferias canceladas.

6- “Por que o acompanhamento deve ser mensal?”

O acompanhamento deve ser mensal, poque caso haja I.R. a pagar, a DARF terá vencimento no último dia útil do mês subsequente ao da apuração.

Evitando assim o pagamento de juros e multas decorrente do atraso.

7- Devo fazer declaração mensais de I.R?

Não existe declaração mensal de I.R, existem apurações mensais que geram relatórios  constando todas as operações que teve no mês e para que os mesmos sejam lançados na Declaração Anual de I.R.

8- Iniciei minhas operações na bolsa, e agora?

A partir da primeira movimentação na bolsa geram obrigações fiscais e tributárias.

Mensalmente será necessário fazer a apuração de resultados e pagamento do imposto de renda apurado, desde o início das operações;

Anualmente você deverá apresentar as informações dos resultados de bolsa do ano anterior na declaração de ajuste anual.

9- Fiz a minha declaração com dados errados, e/ou sem os dados de bolsa, como devo proceder?

Você deve regularizar sua situação o mais rápido junto a Receita Federal. Se você ainda não foi notificado e não foi multado, deve calcular/apurar mensalmente os resultados e retificar/fazer suas declarações.

10-Como posso planejar o meu pagamento de tributos para aumentar os lucros da minha operação na Bolsa?”

A melhor forma de planejar o pagamento de tributos para aumentar os seus lucros é trabalhar com operações que não ultrapasse R$ 20.000,00 / mês, pois assim você ficará isento do pagamento de impostos e sua rentabilidade será melhor.

Mais alguma dúvida? Preencha o formulário abaixo que teremos prazer em esclarecer!

Contato IR Invest - Serviços